Ir para o conteúdo
Início
/
Notícias
14-10-2019

ULS Nordeste assinala Dia Mundial da Saúde Mental pela inclusão e contra o estigma

A luta pela inclusão das pessoas com doença mental e contra o estigma que possa ser associado às patologias deste foro, assim como a quem delas padece, levou o Departamento de Saúde Mental (DSM) da Unidade Local de Saúde (ULS) do Nordeste a sair à rua e chamar a atenção da comunidade para esta problemática.

Comemorando o Dia Mundial da Saúde Mental – 10 de outubro – o DSM, com o apoio do Serviço de Assistência Espiritual e Religiosa da ULS Nordeste, organizou um programa preenchido de atividades lúdicas e educativas e convidou outras entidades da região a juntarem-se a esta causa, nomeadamente a Academia dos Santos Mártires, a APADI – Associação de Pais e Amigos do Diminuído Intelectual, a ASCUDT – Associação Sociocultural dos Deficientes de Trás-os-Montes, o CEE – Centro de Educação Especial, a CERCIMAC, a Leque.

Os utentes destas instituições uniram-se assim aos da ULS Nordeste (do Serviço de Psiquiatria Agudos e da UDEP – Unidade de Doentes de Evolução Prolongada) e partilharam com os profissionais uma animada manhã desportiva no Pavilhão Municipal Arnaldo Pereira, em Bragança. Além da realização de diversas atividades lúdicas o DSM da ULS Nordeste promoveu também a realização de sessões dinâmicas de literacia em saúde, sensibilizando os participantes para a importância da adoção de práticas promotoras de bem-estar tanto físico como psíquico.

Após o almoço de confraternização teve lugar uma eucaristia, na Igreja de S. João Batista (antiga Sé), celebrada pelos padres Calado Rodrigues e Estevinho Pires. Daí iniciou-se uma caminhada até ao Corredor Verde do Fervença (Polis), local onde decorreram as atividades musicais e de convívio, incluindo lanche e um a partilha de um bolo, agregando mais de 200 pessoas.

Estas comemorações, promovidas pelo Departamento de Saúde Mental da ULS Nordeste, contaram com o apoio do Conselho de Administração, tendo marcado presença o Presidente, Dr. Carlos Vaz, o Diretor de Enfermagem, Enf.º Urbano Rodrigues, e a Vogal Executiva Dra. Elisa Dias, os quais apelaram a uma maior sensibilização para as doenças do foro mental e enalteceram o trabalho desenvolvido pelo DSM nesse sentido.

A enfermeira responsável pelo Serviço de Psiquiatria, Enf.ª Sílvia Lima, congratulou-se com o sucesso da iniciativa, assegurando que a equipa multidisciplinar de Saúde Mental continuará empenhada no apoio contínuo a estes doentes.

 


Partilhar:
Ir para o topo
adipiscing Phasellus leo. mattis ante. efficitur. pulvinar id